noticias Seja bem vindo ao nosso site RADIO COSTA LESTE FM 90.5!

Política

Crise na Argentina: Argentinos avaliam mal os primeiros 100 dias de Milei

Quase 90% avaliam negativamente a economia Argentina

Publicada em 21/03/24 às 14:47h - 10 visualizações

Redação


Compartilhe
Compartilhar a noticia Crise na Argentina: Argentinos avaliam mal os primeiros 100 dias de Milei  Compartilhar a noticia Crise na Argentina: Argentinos avaliam mal os primeiros 100 dias de Milei  Compartilhar a noticia Crise na Argentina: Argentinos avaliam mal os primeiros 100 dias de Milei

Link da Notícia:

Crise na Argentina: Argentinos avaliam mal os primeiros 100 dias de Milei
 (Foto: Band - UOL)

Em cem dias de governo, o presidente argentino Javier Milei registrou altos índices de desaprovação, especialmente pelos resultados da política econômica colocada em prática durante os primeiros dias de mandato. Apesar dos resultados negativos, o governo também coleciona melhoras na percepção dos argentinos em relação a temas como segurança e combate a corrupção.


Os resultados foram divulgados por uma pesquisa de opinião feita pela Atlas Intel. A aprovação e a desaprovação do presidente seguem praticamente empatadas em 47%, enquanto 4,5% não souberam responder. As avaliações do governo também estão praticamente empatadas: 45% avaliam como ruim ou péssimo, enquanto 43,5% consideram ótimo ou bom. Menos de 1% não souberam responder.


Segundo os dados da Atlas Intel, sobre a avaliação da atual da economia, a maior parte dos entrevistados afirmam que vivenciam uma situação familiar "ruim", enquadrando 57% dos entrevistados./ 80 por cento dizem que o mercado de trabalho também está ruim.


Para os próximos seis meses, 43% esperam uma melhora da economia argentina, por outro lado, 47% acreditam na piora. No mercado de trabalho, mais da metade acreditam numa piora; 41% acreditam que a situação econômica da família vai melhorar, contra 47% que esperam um resultado ruim.


Embora os números sigam elevados, na percepção sobre a criminalidade, os argentinos melhoraram a avaliação. Mesmo assim, cerca de 66% acreditam que está aumentando, contra 17% que veem uma redução entre novembro do ano passado e este mês de março. 16% não souberam opinar.


Na visão sobre a corrupção, a visão sobre o aumento caiu de 72% para 45%. Quem acredita na redução, passou de 8% para 36%, contra 17% que "não sabiam" opinar.


A pesquisa foi feita com mais de 2 mil entrevistados, entre os dias 15 e 18 de março. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, com o nível de confiança de 95%.




     Fonte :  BandNews




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (85) 3338-1011

Visitas: 7494
Usuários Online: 2
Copyright (c) 2024 - RADIO COSTA LESTE FM 90.5
Converse conosco pelo Whatsapp!